5 ideias para gerir melhor o seu estoque

credito Dez 08, 2020

Organizar o seu estoque de modo contínuo é um desafio de gestão de toda empresa que tem que lidar com a entrada e a saída de seus produtos, tendo em vista que este aspecto pode ser decisivo para a sua lucratividade.

De modo geral, manter o estoque de sua empresa organizado é um grande diferencial, seja para o cliente final, que terá acesso ao produto que necessita dentro do tempo esperado, seja internamente, pois isso pode representar um valor represado e que gera custos em sua empresa.
Isso porque, estar atento a demanda de seus produtos é indispensável para quem visa atender os seus clientes por meio de seu portfólio, sem que eles tenham que esperar demais por isso e sem que isso gere, de alguma forma, prejuízo a empresa por perda de negócios. Neste artigo apresentaremos 5 ideias que podem fazer toda a diferença no momento de definir estratégias para organizar o estoque de sua empresa. Acompanhe o passo a passo a seguir e obtenha bons negócios.


● Controlar o seu estoque é conhecer o potencial de venda de seus produtos
● Faça inventários regularmente e identifique seus produtos
● Escolha um modelo para reposição é uma estratégia eficiente
● Determine o número máximo e mínimo para as mercadorias em estoque
● Conte com um parceiro colaborativo em momentos de crise

Controlar o seu estoque é conhecer o potencial de venda de seus produtos

Para que haja um controle constante de tudo o que entra e sai de uma empresa, seja ela de qual segmento for, é preciso estabelecer certos critérios a fim de que esta seja uma ferramenta que resulte em lucro. Alguns princípios básicos merecem ser citados:
● Ter conhecimento sobre qual produto possui mais saída e quais se encontram parados no estoque bem como os que necessitam de reposição (e em qual periodicidade) se faz fundamental numa gestão eficaz;
● Manter o estoque organizado pode ajudar no crescimento da sua empresa, o que
ocorre por intermédio de um controle concreto, de modo que sempre esteja em dia
para suprir demandas diversificadas dos clientes;
● Isso faz com que o planejamento financeiro de sua empresa ocorra com maior
previsibilidade, negociando melhores prazos para pagamento, calculando estimativas de venda e recebimento com maior exatidão e controlando os custos de
armazenagem, logística e aquisição do inventário.
Com o objetivo de tornar possível a organização de seu estoque, seja de uma loja física ou de uma loja virtual, apresentamos 5 ideias para uma gestão eficaz de seu estoque. Fique por dentro.

Faça inventários regularmente e identifique de algum modo seus produtos

Primeiramente, para que a administração de seu estoque seja considerada eficaz, a realização de inventários se torna essencial, uma vez que a verificação periódica o mantém atualizado constantemente, com noção real das quantidades dos produtos e de eventuais perdas ou danos aos produtos armazenadas.
Assim, pode-se realizar a manutenção do fluxo de estoque, deixando-o constantemente em dia, com a alimentação das informações de entrada e de saída com as suas respectivas datas e movimentações, seja de qual produto for.
Trata-se de um método razoavelmente simples de ser colocado em prática e que auxilia a impedir que erros venham a acontecer, sendo o pontapé inicial para uma política efetiva de gestão de estoque.
Promover a identificação dos produtos corresponde a criar um código singular e intransferível para cada um deles, podendo ser utilizado como saída prática e eficiente os seus códigos de barras ou identificadores no sistema de venda da loja.
Fora isso, efetuar a separação dos produtos por categoria é estrategicamente inteligente, já que é possível manter a organização do estoque de forma precisa, encontrando as mercadorias com praticidade na hora de entregá-los para o cliente ou serviço de logística que atende o seu negócio.

Escolha um modelo para reposição é uma estratégia eficiente

Preliminarmente, é importante destacar que há duas modalidades de reposição, isto é, a contínua e a periódica, sendo ambas eficazes para que o estoque possa prosseguir organizado no cotidiano
A reposição de estoque contínua, trata-se de uma alternativa na qual os pedidos acontecem de acordo com a sua reposição, o que evita a aquisição de produtos sem estoque. Já quanto ao tipo de reposição periódico, este se dá por agendamento, razão pela qual é a escolha mais realizada para produtos que tenham uma reduzida margem de lucro para a empresa. Portanto, é prudente conhecer bem o fluxo do estoque de sua empresa, bem como os produtos com "maior saída", para poder avaliar e decidir qual modelo de reposição se encaixa às suas características comerciais e qual deles será mais assertivo para a sua empresa, ou unidade de negócio.

Determine o número máximo e mínimo para as mercadorias em estoque

Quantificar cada um dos produtos em estoque requer conhecimento sobre ele, sendo este o principal fator para se estabelecer a quantidade de produtos de um determinado modelo em estoque quantificação de um produto depende diretamente de aspectos distintos, como: a frequência pela sua procura, a capacidade de absorção da demanda dos seus fornecedores, a sazonalidade e a validade/durabilidade do produto quando em armazenagem (sobretudo no
que se trata de produtos perecíveis, se aplicável).
Sendo assim, se torna indispensável efetuar o cálculo com relação ao número mínimo e máximo de cada um dos produtos em estoque, avaliando quesitos como giro de estoque, valor pago, prazos dos fornecedores para produção e reposição em seu armazém e tempo até que o produto chegue ao consumidor final.

Esta é uma forma pragmática de obter equilíbrio no estoque de sua empresa, mantendo-o organizado e rotativo, tendo em vista que produtos que ficam parados podem representar prejuízo devido ao alto custo de estocagem.

Conte com um parceiro colaborativo em momentos de crise

Em momentos de oscilação econômica e diversificação dos negócios como o atual, poder contar com um parceiro que fornece capital de giro sob demanda para você manter o seu estoque sempre preparado é importante para garantir o sucesso de sua empreitada. Com o Limite Dinie a sua empresa poderá, por exemplo, negociar com fornecedores o pagamento à vista na hora de equipar seu estoque e assim conseguir bons descontos, pagando de forma parcelada o capital de giro obtido com taxas abaixo do que os grandes bancos costumam cobrar neste tipo de operação Conquiste cada vez mais o seu público-alvo e atenda às suas expectativas: conte com a Dinie para ajudá-lo nesta tarefa.

Etiquetas